Notícias de Nonoai e região em primeira mão
Notícias de Nonoai e região em primeira mão

Menu

Projeto da ferrovia Chapecó-Correia Pinto (SC) avança

12

Compartilhe nas redes sociais

Facebook
Telegram
WhatsApp
Email
Telegram

 

 

 

Com o objetivo de identificar os diversos pontos possíveis de carga e descarga ao longo do trajeto da futura ferrovia Chapecó-Correia Pinto (SC), o ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e Coordenador do Movimento pró-Ferrovias, Lenoir Broch, se reuniu com o professor e consultor da Secretaria de Portos Aeroportos e Ferrovias (SPAF), Silvio dos Santos. O encontro aconteceu na tarde da última terça-feira (9) em Chapecó.

Durante a visita foi dialogado sobre o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) e o anteprojeto em andamento, que é financiado pelo governo do estado. Em dezembro passado, foram concluídos o levantamento aerofotogramétrico, estudo ambiental, geológico e hidrológico. O trecho Correia Pinto até Chapecó terá 319 quilômetros.

“A expectativa é que até novembro de 2024 o estudo fique pronto para ser destinado ao mercado. Já existem possíveis interessados na execução da obra, inclusive nos estados do sul, há investidores com capacidade para atender a demanda”, apontou Broch. Ainda destacou que para a região Oeste este projeto será fundamental, pois além de levar as cargas aos portos catarinenses, abre a oportunidade para todos os tipos de cargas alcançarem os portos e o Brasil via modal ferroviário.

A região Oeste de Santa Catarina, que abriga algumas das principais empresas de agronegócios e cooperativas agropecuárias de processamento animal do Brasil, tem sua competitividade prejudicada pela falta de infraestrutura, principalmente nos setores da suinocultura e da avicultura. “A visita nos deixou felizes, entusiasmados com mais este projeto e o professor Silvio é defensor do uso da ferrovia como modal de transportes. A enorme bagagem, experiência e argumentos nos fazem perceber ainda mais que estamos no caminho certo”, salientou o coordenador.

A SPAF está elaborando minuta de lei ferroviária para o Estado de Santa Catarina com a colaboração da ANTT, e também, a documentação necessária para solicitar a autorização ferroviária à Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), nos termos da Resolução ANTT n° 5.987 para os segmentos com projetos em andamento.

 

Foto:   Lenoir Broch aponta que já há interesse privado na realização da obra.

 

 

Fonte:

Foto

 

MB Comunicação Empresarial/Organizacional

Jornalista Responsável – Marcos A. Bedin – MTE SC 00085-JP

Gostou? Compartilhe!

Facebook
Telegram
WhatsApp
Email
Telegram

Veja também